Vereador Militão indicou roçada e limpeza para vias do Caetetuba, Jardim Alvinópolis, Itapetinga e Jardim Imperial

Vereador ainda pede que seja feito um estudo para aumentar de duas para três o número de horas rotativas da Zona Azul

Por Maria Clara 11/03/2018 - 10:36 hs

Vereador Militão indicou roçada e limpeza para vias do Caetetuba, Jardim Alvinópolis, Itapetinga e Jardim Imperial
imagem ilustrativa

O vereador Ademilson Militão apresentou, nesta semana, várias indicações solicitando obras de manutenção para diversos bairros de Atibaia.

O serviço de roçada e limpeza é pedido para os seguintes locais: praça localizada na Av. São Paulo, em frente à Adega Alvinópolis; atrás da empresa Colibri, com início na Estação Atibaia até a Reciclagem, no Caetetuba; área pública na Rua Sumaré, no Jd. Imperial; área pública, na Rua Ouro Preto, no Jd. Alvinópolis (incluindo retirada de lixo e remoção de entulho); e praça localizada em frente à Igreja Cristo Rei, Alvinópolis. A retirada de lixo também é indicada para a Estrada Masakasu Hayashida, localizada no bairro Itapetinga.

Militão também solicita a manutenção das seguintes vias: todas as ruas do bairro Jd. Maracanã; ruas do Jd. Santo Antônio, em Campos de Atibaia; ruas do bairro do Portão; Estrada Jaguaribe, localizada no bairro Chácaras Brasil; Rua Ribeirão Preto, na altura do número 595, no Jd. Paulista. Também é solicitado o reparo na tubulação que estourou o asfalto da Rua Caravelas, em frente ao número 129, no Jd. Imperial. E a fiscalização foi pedida para ser realizada nos seguintes terrenos: na esquina da Rua Bela Vista, com a Rua Petrópolis, no Jd. Imperial; os da Rua Capitão Egidio José da Silveira, na Vila Carvalho; e outro no bairro Caetetuba.

O vereador ainda indica que seja agilizada a colocação de placa do projeto Vizinhança Solidária, tendo em vista que vários bairros já foram contemplados com o projeto desde novembro de 2017 e as placas ainda não foram colocadas.

Por fim, Militão solicita que seja feito um estudo para aumentar o número de horas rotativas da Zona Azul, de duas para três horas.